Isaac: o Filho da Velhice e da Promessa (Gn 21-22)
abril 17, 2013
Coisas da Bíblia: Jacó e sua esperta família
abril 17, 2013

Coisas da Bíblia: o jovem Jacó

jaco_partidaPe. Paiva, SJ

jaco_sonho

O sonho de Jacó

Esaú tinha vendido por um prato de lentinhas quentinhas e saborosas, seu direito de filho mais velho à bênção do Pai Isaac. Mas – vocês sabem como estas coisas são – quando soube que Rebeca e Jacó tinham se aproveitado da velhice e cegueira do Patriarca para “lhe passarem a perna”, ficou furioso. Rebeca, a admirável, para evitar alguma coisa pior, mandou Jacó para a casa do seu irmão, Labão, no distante Haran. Não foi nada fácil para ela enviar o jovem por um percurso perigoso, em caminhos ameaçados por assaltos e combates de bandos. E não foi nada fácil também para Jacó, acostumado com a segurança em sua tribo. É verdade que seu pai foi convencido a deixá-lo partir para encontrar uma mulher do clã para esposa: “Não tomes mulher dentre as filhas de Canaã, mas vai à casa de Batuel, pai de tua mãe e toma lá uma mulher dentre as filhas de Labão irmão de tua mãe. Que Deus te abençoe, te faça fecundo e numeroso de modo a te tornares uma multidão de povos…” (Gn 28, 1-3).

Tudo indica que tinham ficado para trás os dias prósperos de Abraão, que mandara um servidor buscar a esposa para Isaac! Jacó foi sozinho, tão desprovido que teve de usar uma pedra como travesseiro! Mas bênção é bênção, e ele sonhou com uma escada maravilhosa, por onde anjos subiam e desciam. E o mesmo Senhor Deus o abençoou: “Sou o Senhor, Deus de Abraão e de Isaac. Darei a ti e a tua posteridade a terra, sobre a qual estás deitado, Tua posteridade será como o pó da terra. Vai se dilatar para o Ocidente e o Oriente, o Norte e o Sul, e nela serão abençoadas todas as nações. E eis que Eu estarei contigo e te guardarei onde quer que tu vás. E te reconduzirei a este país, porque não te abandonarei até cumprir tudo o que prometi” (Gn 28, 10-15).

Nós somos destes povos do norte e do sul, do ocidente e do oriente, herdeiros desta bênção e filhos deste sonho! E o lugar do sonho e da bênção se chama “Betel”, “Casa de Deus”, com o nome que lhe deu o jovem Jacó, até os dias de hoje!