Ano Litúrgico, Missa dominical, “Templos”
maio 1, 2015
O Batismo: porta do céu, da Igreja, de todos os Sacramentos – dom de Cristo
maio 9, 2015

São Floriano (+ 304) 4 de maio

O Imperador Diocleciano, governando o Império Romano, era um homem enérgico e capaz. Pagão convicto, desencadeou uma forte perseguição contra os cristãos. Entre os muitos mártires da época, encontramos São Floriano, que já emprestou seu nome – e ainda empresta aqui e ali – seu nome a muitos brasileirinhos, inclusive ao Marechal Floriano Peixoto, nosso Presidente nos primeiros tempos da República. Ele é bastante venerado na Baviera alemã, onde ocorreu seu martírio, juntamente com o grupo de soldados, seus comandados, veteranos de várias guerras do Império.

A política de cego ódio e preconceito de Diocleciano preferiu privar Roma de leais defensores. Naqueles tristes anos também foram sacrificadas legiões inteiras, como a Legião Tebana e a Legião Fulminante. Nomes destacados, até hoje muito queridos nossos, foram imolados também, como Maurício, Sebastião, Vítor, Cândido, Vidal, os mártires de Sebaste, todos militares*.

SãoFloriano

Floriano e seus companheiros foram mortos, atirados de uma rocha, na beira do rio Enns, com pedras amarradas no pescoço, a fim de serem afogados. É padroeiro dos bombeiros, invocado contra incêndios.
* Dom Servílio Conti, IMC, “O Santo do dia”, Vozes, 3ª ed., p. 194.