São João Batista – Natividade – 24 de junho
junho 23, 2015
Na festa da Senhora do Carmo, rezando com São Leão Magno
julho 16, 2015

São João Batista – 24 de junho – Leitura Orante

Natividade de São João Batista

Leitura Orante de Jeremias (Jr 1,4-10.17-19)

– 1ª leitura do Ofício da Solenidade

“Foi-me dirigida a Palavra do Senhor dizendo: ‘Antes de formar-te no ventre materno Eu te conheci; Eu te consagrei e te fiz profeta das nações’”.

– Não me admira, meu Senhor e meu Deus, que tenhas conhecido João ainda antes que o teceste no seio de Santa Isabel, com a semente do velho Zacarias. Afinal, todos conheces sempre, ó Eterno! Para Teu olhar de bondade e ternura nada há de passado, presente e futuro, tão de cima olhas, sondando também os abismos. O que me admira, e aquilo pelo que te louvo é a missão que lhe assinalaste, em previsão da chegada do Messias e para o bem maior de todos nós, que jazíamos nas sombras da morte (ver MT 4,15).

“Disse eu: ‘Ah, Senhor Deus, eu não sei falar, sou muito novo!’ Disse-me Deus: ‘Não digas que és muito novo. A todos a quem Eu te enviar, tu irás. Não tenhas medo deles. Eu estou contigo para defender-te’, diz o Senhor.”

– Assim, Paizinho, Teu Filho Jesus nos enviou e animou: “Não temais, pequenino rebanho, porque foi do agrado do Pai dar-vos o Reino” (Lc 12,32). Tu és nossa Vida, outro Deus não há!

“O Senhor estendeu a mão, tocou-me a boca e disse-me: ‘Eis que eu ponho minhas palavras em tua boca. Eu te constituí hoje sobre povos e reinos, com poder para extirpar e destruir, devastar e derrubar, construir e plantar. Vamos, põe roupa e cinto, levanta-te para lhes comunicar tudo o que Eu te mandar dizer. Não tenhas medo, senão Eu te farei tremer na presença deles (…) Farão guerra contra ti, mas não prevalecerão, porque Eu estou contigo para defender-te’, diz o Senhor.”

– Jeremias morreu mártir, como São João Batista. Aparentemente foram derrotados, mas, na força do Teu Espírito, a Tua Bênção passou por eles, Teus gloriosos Mártires, Tuas Testemunhas. Suas palavras repercutem de geração em geração. Continuam a ser lidas nas Igrejas. Como disse alguém com inspiração: “O sangue dos mártires é semente dos cristãos”. E o Sangue de Jesus é o Vinho da Vida que nos salva e alegra. Os que matam não prevalecem nem prevalecerão. A cultura da morte não prevalecerá. Como Jesus prometeu, “as portas do inferno não prevalecerão” contra Teu Povo Santo (ver Mt 16,19).

– Acendem-se fogueiras! Tocam sanfonas! O Brasil se alegra! Festejamos São João Batista, cujo nascimento anuncia o Teu Natal! A fogueira, que aquece os pastores na noite fria, vai se apagar quando Tu, ó Luz, ó Dia, resplandeceres! Bendito sejas, Jesus, Filho de Maria, Filho do Altíssimo! Bendito sejas, ó Altíssimo, Paizinho! Bendito sejas, Divino Espírito, cuja obra faz a Bênção cair de geração em geração! Bendita sejas, Trindade Querida, Unidade Perfeita!

– Santos Zacarias, Isabel e João, rogai por nós!